Início Noticias O Que Se Sabe Sobre o Coronavírus?

O Que Se Sabe Sobre o Coronavírus?

20
0

Afinal, o que é o Coronavírus?

(Callista Images/Getty Images)

 

Coronavírus é uma família de vírus que provocam infecções respiratórias. E esse novo agente, que foi descoberto em 31/12/2019 na China, provoca uma doença chamada de coronavírus (COVID-19).
Mas os coronavírus não começaram a aparecer agora. Os primeiros casos de infecções por coronavirus em humanos datam de 1937. O vírus foi descrito como coronavírus em 1965, quando foi descoberto em microscopia um perfil que semelhante a uma coroa  em seu envelope.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Tipos de coronavírus

Os tipos de coronavírus conhecidos até o momento são:

  • Alpha coronavírus 229E e NL63.
  • Beta coronavírus OC43 e HKU1.
  • SARS-CoV (causador da Síndrome Respiratória Aguda Grave ou SARS).
  • MERS-CoV (causador da Síndrome Respiratória do Oriente Médio ou MERS).
  • SARS-CoV-2: novo tipo de vírus do agente coronavírus, chamado de coronavírus, que surgiu na China em 31 de dezembro de 2019.

Alguns coronavírus podem causar doenças graves com impacto importante em termos de saúde pública, como a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS), identificada em 2002, e a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS), identificada em 2012.

Como o coronavírus é transmitido?

De modo geral, a transmissão viral acontece enquanto persistirem os sintomas. Mas a duração do periodo de transmissibilidade, que é o periodo de tempo em que o hospedeiro pode transmitir a doença a outra pessoa, é desconhecido para o SARS-CoV e para o MERS-Cov.

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como:

  • gotículas de saliva;
  • espirro;
  • tosse;
  • catarro;
  • contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão;
  • contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

O período de incubação se dá em média de 5 dias, podendo chegar até 12 dias.

Os coronavírus apresentam uma transmissão menos intensa que o vírus da gripe.

Todos os coronavírus são transmitidos de pessoa a pessoa. De forma geral isso ocorre por contato próximo. (ex.: qualquer pessoa que cuidou de um paciente doente, incluindo membros da família e profissionais de saúde, que tenha tido contato físico com o paciente, visitado o paciente ou que more junto)

Quais os Sintomas?

Na maioria dos casos de infecções por coronavírus leva a infecções respiratórias brandas a moderadas, de curta duração. Os sintomas podem ser, coriza, dor de garganta, tosse, febre, dificuldade para respirar. Em alguns casos pode levar a infecção de vias respiratórias inferiores, como pneumonia. Tende a agravar em pacientes idosos, pessoas com doenças cardiopulmonares, pessoas com sistema imunológico deprimido ou comprometido. Diabéticos, hipertensos também são mais propensos à doença.

Como se Prevenir?

O Ministério da Saúde da as seguintes orientações sobre a prevenção e redução do risco de se contrair ou transmitir essas síndromes respiratórias agudas:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete, por pelo menos 20 segundos. Caso não haja água e sabão, usar algum desinfetante a base de álcool;
  • Evitar tocar em olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
  • Evitar contato com pessoas doentes;
  • Ficar em casa, caso esteja doente;
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com lenço de papel e jogar fora em seguida;
  • limpar e desinfetar objetos e superfícies com frequência (ex.: Teclado de computador, mesas, celular, etc.);

Até o momento, não precisamos entrar em pânico. No Brasil, apenas 2 casos confirmados até a publicação deste post, (02/03/2020). Mas requer atenção e cuidado.