Início Noticias Brasil cai duas posições em ranking que mede corrupção

Brasil cai duas posições em ranking que mede corrupção

277
0
Em levantamento da Transparência Internacional publicado nesta terça-feira, 25, com um ranking sobre a percepção de corrupção em 180 países do mundo no ano de 2021, o Brasil apareceu na 96ª colação, duas atrás do que em 2020. A organização que faz o levantamento apontou que o combate à corrupção no Brasil é enfraquecido com as falas antidemocráticas do presidente da República, Jair Bolsonaro. Para a Transparência Internacional, a falha no combate à corrupção prejudica os direitos humanos e no caso específico do Brasil, teve como uma das consequências a morte de dezessete defensores dos direitos humanos apenas no ano passado.Em uma escala de 0 a 100 pontos, o Brasil ficou com 38 pontos, a terceira pior nota desde o início da série histórica, que começou em 2012. A posição atual do Brasil no ranking também é a terceira pior desde 2012, a frente apenas de 2018, quando o país terminou o ano na 105ª posição, e em 2019, quando o país alcançou sua pior posição no ranking, 106ª.O Brasil ficou atrás da média global, que é de 43 pontos, da média dos países da América Latina e Caribe, que é de 41 pontos, e dos países que compõem o G20, que é de 66 pontos. Lideram o ranking de 2021, com 88 pontos, Dinamarca, Finlândia e Nova Zelândia, enquanto a última posição ficou com o Sudão do Sul, com 11 pontos. O índice é feito com base em trezes pesquisas e avaliações de especialistas que tratam da percepção de corrupção no setor público.