Início Noticias Governadores querem ampliar prazo de custeio de leitos de UTI

Governadores querem ampliar prazo de custeio de leitos de UTI

216
0
Temerosos com o espalhamento rápido da nova variante Ômicron, de Covid-19, governadores membros do Fórum Nacional pede ao Governo Federal a prorrogação dos credenciamentos dos leitos especializados para pacientes com a doença. O contrato que disponibiliza os leitos extras se encerra oficialmente no próximo dia 31.
Presidente do Fórum, o governador do Piauí Wellington Dias (PT) tem mantido conversas com o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira e secretário-executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruz.
A expectativa é que o credenciamento seja prorrogado até o fim de fevereiro. No momento, o Ministério da Saúde avalia custear 14.254 mil leitos de UTI Covid Adulto e Pediátrico por mais 30 dias em todo o país.
“Já temos sete estados com 70% ou mais da capacidade dos leitos ocupados, para doença respiratórias agudas e graves (Covid-19, destacadamente variante Ômicron e H3N2/Influenza), além de viroses e diarréias). E demais estados em situação de elevação no nível de ocupação em outras áreas. Isso está gerando uma demanda na área de hospitalização”, reforçou Wellington Dias.
Neste sábado, 22, Salvador registrou 100% de ocupação dos leitos de UTI pediátricos, de acordo com boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab).