Início Noticias Salvador receberá 150 mil doses da vacina para Influenza

Salvador receberá 150 mil doses da vacina para Influenza

141
0
O prefeito Bruno Reis (DEM) confirmou, nesta quarta-feira, 5, que Salvador receberá 150 mil doses da vacina para a Influenza até a próxima sexta-feira, 7. Segundo o democrata, os imunizantes foram doados pelo Instituto Butantan, em uma articulação com o governador de São Paulo, João Dória (PSDB).  
“Na segunda feira [3], eu liguei para [João] Dória e ontem [terça, 4] o Instituto Butantan confirmou a doação de 150 mil doses da vacina da gripe para a cidade de Salvador”, disse o prefeito durante entrega de 81 casas no bairro de Vila Canária, em Salvador, como parte do programa Morar Melhor. 
“Estamos vendo hoje como faz o transporte [das vacinas], que é uma responsabilidade da prefeitura”, endossou Bruno. “Nossa expectativa é que até sexta chegue essas doses da vacina da gripe para vacinar quem ainda não se vacinou, principalmente idosos e quem não tem condição de pagar.”, completou. Após diálogo com o governador João Dória, conseguimos através do Instituto Butatan a doação de 150 mil doses de vacina da gripe. A expectativa é receber esse lote até o final da semana. Nossa prioridade será a imunização de idosos e das pessoas mais pobres de nossa cidade.— Bruno Reis (@brunoreisba) January 5, 2022
Covid-19
O prefeito fez um apelo para as 223 mil pessoas que ainda não tomaram a segunda dose da vacina para Covid-19 na capital baiana. Bruno afirmou que há, também, 418 mil soteropolitanos que poderiam ter tomado a dose de reforço, mas que ainda não o fizeram. 
“Queria fazer um apelo para 223 mil pessoas que não voltaram para tomar a segunda dose. É um número alto. Faço um  apelo para essas 223 mil pessoas voltarem para tomar a segunda dose”, pediu o prefeito.
“Já tem 418 mil pessoas que poderiam ter tomado a dose de reforço, já chegou a gora de tomar a dose de reforço. Nós reduzimos para 4 meses [o intervalo entre a segunda dose e a terceira]. Quem tiver [o intervalo de] 4 meses no cartão da vacina, já pode tomar a dose de reforço”, disse Bruno. 
De acordo com o prefeito, o Brasil e o mundo registram alta no número de casos da doença em uma ‘proporção nunca vista’.  “Eu mesmo nunca tive tantas pessoas próximas com Covid como agora’, atalhou o prefeito, ao enumerar nomes de secretários e pessoas próximas infectadas.
Alerta
Mais cedo, o secretário de saúde de Salvador, Leo Prates (PDT), alertou para uma nova onda de Covid na capital baiana caso a população não se vacine. 
“Faço um apelo às pessoas que ainda não tomaram a sua primeira dose da vacina ou não completaram seu esquema vacinal: tomem sua vacina, vacinar salva vidas.”, escreveu Prates no Twitter.